fevereiro 07, 2017

AS DISTRAÇÕES E OS NOSSOS SERVIÇOS

Vivemos dias de grandes distrações. Nosso foco tem se tornado quase nenhum nas tarefas do nosso dia a dia. Duvida? Pois responda a essa simples pergunta: você já pegou o celular para olhar as horas, depois largou sem saber qual o horário? Ou você já pegou o celular para responder um e-mail, só que este não foi respondido porque você foi responder as mensagens do whatsapp, ou olhar as ultimas atualizações de fotos no instagram, ou ainda foi curtir qualquer coisa no facebook? Comigo sim, e foram muitas vezes. 

Essas distrações infelizmente tomam conta também dos nossos momentos de preparação para o serviço no ministério com crianças. Eu admito que por vezes, já cheguei diante das crianças no domingo ser ter preparado corretamente a lição durante a semana, colocando culpa na correria para conciliar trabalho, faculdade e casa. 

Encarando nossos deveres de forma correta,
Quando nos engajamos em algum ministério de nossas igrejas, estamos firmando um compromisso com todos os que estão envolvidos diretamente nele e com a igreja de modo geral. Temos então a oportunidade de servir nossos irmãos, e além disso de servir ao Senhor. Em Colossenses 3:23 está escrito:

"Tudo que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para homens"

Diante dos nossos olhos estão as crianças que precisam do nosso ensino, porém além delas esta o Senhor, é isso que a palavra nos diz, é para isso que a palavra nos encoraja, a servirmos com amor, como para o próprio Senhor. Sendo assim somos alertados a fazer um serviço bem feito, diligente, doador e que seja útil para o reino. Precisamos então, nos livrar das distrações diárias e focar nossa atenção no eterno. 

Algumas dicas para esse preparo,

Dia, hora e lugar: Separe na sua agenda o dia e a hora que você irá iniciar a preparação da sua lição. Não conte com o acaso, não espere surgir um tempinho livre, pois pode ser que esse tempo livre surja e você não esteja com seus materiais necessários, no caso uma Bíblia, caderno e canetas. Posso citar o meu exemplo, no momento tenho 2 dias da semana livres no período da noite, e uso um deles para o preparo da lição. Quando estou com dias e noites ocupados, separo um período pela manhã para isto, pois trabalho em uma biblioteca e as vezes está sem movimento. 
*Conheço uma irmã que tem os dias totalmente preenchidos com obrigações no lar, porém vejo ela separando momentos durante a tarde quando seus familiares estão tirando aquele cochilinho, ou a noite quando todos foram dormir. É bem pesado não podemos negar, porém cabe a nós tentarmos conciliar, e nos comprometermos somente com aquilo que conseguiremos cumprir.

Ore: Em primeiro lugar apresente a Deus a lição que você desejará passar para as crianças de sua igreja. Peça forças para conseguir enfrentar as distrações e desânimo, conte com o direcionamento de Deus. Devemos depender do seu Espírito Santo, porém essa dependência não nos isenta de nos prepararmos diligentemente. Essa dependência nos coloca na posição de servos, que mesmo  tendo se preparado, sabe que é a vontade do Senhor que irá prevalecer. 

Conheça o texto bíblico: É necessário uma primeira leitura de todo o texto que envolve a lição. Você pode ler o mesmo texto em diferentes versões da Bíblia, pois assim o texto irá fixar cada vez mais em sua mente, e a diferença de algumas palavras nos ajudará em um maior entendimento. 
*Observe os personagens do texto;
*Observe os sentimentos dos personagens do texto;
*Observe as ações de Deus no texto e a ações que devemos tomar ao ler o texto;
*Observe lugar, data e contexto cultural em que foi escrito o texto.

Ao saber responder todas ou boa parte das observações citadas, você terá mais confiança ao passar a lição para as crianças, e poderá responder suas dúvidas quando elas perguntarem. 

(Gosto de usar esse método para fazer o estudo do texto bíblico com as crianças. Desenho colunas numa cartolina e coloco os tópicos para que elas possam ir preenchendo de acordo com a leitura bíblica. Recentemente fizemos um estudo sobre a vida dos discípulos e construímos um quadro mais ou menos assim: 
Discípulos
Profissão
Onde nasceu
Como foi sua morte
André
Pescador
Betsaida
Crucificado em uma cruz em forma de X


"Pois tudo o que foi escrito no passado foi escrito para nos ensinar, de forma que, por meio da perseverança e do bom ânimo procedentes das Escrituras, mantenhamos a nossa esperança."
Romanos 15:4


Espero que alguma dessas dicas sejam válidas para seu preparo.
Abraços.


janeiro 27, 2017

SER TIA DA SALINHA É O SUFICIENTE?

Acredita-se que a maioria das pessoas que servem no ministério infantil de suas igrejas, está ali porque entende que foi chamado por Deus para este serviço. Existem aqueles que usam o fator gostar de crianças para realizar tal trabalho, bem isso é até aceitável pois é necessário no minimo gostar delas, porém isso não é tudo nesse serviço. Falar sobre esse tema implica que nos despojemos de várias conceitos que tem sido criados sobre esse ministério ao longo dos anos. Tais conceitos são: 
  • Ser tia da salinha implica em falar com as crianças com voz boba e mima-las.
  • Ser tia da salinha quer dizer entregar vários desenhos para que as crianças possam colorir.
  • Ser tia da salinha requer conhecer todas as músicas da Aline Barros e das Crianças DT pois é necessário muitas músicas até acabar o culto. 

De início devemos nos despojar desse termo: TIA DA SALINHA. Não que ele seja um problema em si, porém devemos ser sinceros e assumir que este termo é usado de uma forma pejorativa, implicando falta de respeito. Devemos aprender que o local onde as crianças se reúnem é apenas um local. As vezes é uma sala, ou um pátio, as vezes um jardim, ou uma garagem e isso NÃO SE RESUME A UMA SALINHA. É triste perceber, que muitos de nós, temos negligenciado este serviço. Por vezes chegamos diante de nossas crianças sem ter estudado bem o conteúdo, sem termos nos preparados da maneira devida. Alguns de nós, até acha que o preparo intencional e estudo sistemático da palavra de Deus foi destinado apenas para pastores.

O que o ministério com crianças não é
1- Não é deposito de crianças
Esse ministério não é o local onde os pais deixam seus filhos para que participem do culto sem interrupções, ou o local onde as crianças ficam "livres" de ouvir um sermão da palavra de Deus para apenas colorir desenhos como se este ato fosse a totalidade do ministério. 
Visão bíblica: "E que desde a infância, sabes as sagradas letras, que podem tornar-te sábio para a salvação pela Fé em Cristo Jesus" 2 Timóteo 3:15

A Mãe de Timóteo Eunice e sua Avó Loide não negligenciaram o ensino, antes o instruíam enquanto ele ainda era criança. Quando nos encontramos diante das crianças de nossa igreja, seja em uma classe de escola bíblica dominical ou em outro  momento, o ensino das sagradas escrituras deve ser o foco. Isso não significa que não poderemos exibir um vídeo, musica ou imagem que complemente o nosso ensino, porém esses recursos devem vir apenas como um complemento para que seja exposta a palavra de Deus, e não como um substituto. 

2- O ministério com crianças não é lugar de quem não tem outra coisa para fazer na igreja.
Acredita-se que qualquer pessoa pode servir nesse ministério. Se a pessoa não canta bem, ou se não gosta de fazer visitas, ou não quer participar do ministério de evangelismo, então deve ir para o ministério com crianças, pois é melhor cuidar das crianças mesmo que seja a força, do que ficar sem fazer nada na igreja, aliás, crente bom é crente que dá lugar não é isso? ERRADO!

Visão bíblica: "Ou o que ensina, esmere-se o fazê-lo" Romanos 12:7b. 

Nesse capitulo Paulo nos fala inicialmente sobre apresentar-nos a Deus como um sacrifício vivo, sobre uma renovação da nossa mente, sobre no corpo termos diferentes membros, porém cada um com sua função. Logo entendemos que, a tarefa do ensino deve ser encarada com uma grande responsabilidade, diligência, esforço, dedicação. Cada membro desempenha uma função diferente, logo não serão todas as pessoas que irão desejar ensinar. São todas as pessoas que terão o dom do ensino? Não. Então o ministério com crianças não deve ser tornar o lugar de pessoas que não desejam esse serviço.

Bem, meu desejo não é que esse texto se torne duro, penso que ele soa mais como um pedido urgente que nos conscientizemos da tarefa que esta em nossas mãos. Como professores dessas crianças, devemos nos espelhar em Cristo, que ensinou tão bem aos seus discípulos. Devemos implorar por sua graça e misericórdia e pedir que ele nos assista em nossas fraquezas, nos ajudando quando estivermos desanimadas, sem ideias e fugindo do foco. Que Cristo sempre nos leve para a palavra de Deus que é o nosso guia. 

Fiquem na paz. 


maio 30, 2016

DICAS DE LIVROS PARA O MINISTÉRIO COM CRIANÇAS

Olá!
Nessa postagem dou dicas de livros para quem trabalha com crianças, pais e professores. Escolhi esse tema para iniciar as postagens pois penso que para exercermos um bom trabalho, devemos buscar conhecimentos com o que Deus nos proporciona. Além da sua palavra temos a oportunidade de nos instruir com vários livros com temas relacionados as crianças.

"Em tudo seja você mesmo um exemplo para eles, fazendo boas obras. Em seu ensino, mostre integridade e seriedade." Tito 2:7


#1 A CRIANÇA, A IGREJA E A MISSÃO- DAN BREWSTER


  • Quais os fundamentos bíblicos do ministério com crianças?
  • Como lidar com a "situação de vulnerabilidade" das crianças- pobres ou ricas?
  • Como melhorar programas e equipes para o trabalho com crianças?
  • Quais os desafios da missão entre crianças de diferentes crenças?
Essas e outras duvidas são esclarecidas nesse livro, que tem de ser lido por todos aqueles que um dia se dispuserem a trabalhar com criança. Sem duvidas um livro rico e muito esclarecedor nos três tópicos que fala o titulo do livro. 

#2 OS PRINCÍPIOS DO ENSINO- SAM DOHERTY


Esse livro apresenta o ensino como uma arte. Cada arte possui suas técnicas peculiares e não é diferente com a arte de ensinar. No ensino das verdades de Deus, evidentemente que além dos princípios e técnicas, a ação do Espirito Santo é absolutamente indispensável. Livro essencial para a leitura. 

#3 POR QUE EVANGELIZAR CRIANÇAS?- SAM DOHERTY
Será que eu estou no caminho certo em meu ministério com crianças? Que tipo de mensagem eu deveria ensinar através das histórias? Será mesmo que as crianças precisam de Salvação? Esse livro apresenta de maneira clara e objetiva a vontade de Deus quanto à responsabilidade dos cristãos de evangelizar crianças, ou seja, outro que é leitura obrigatória.

#4 APASCENTANDO CRIANÇAS- SHIRLEY PEREIRA
Deus amou tanto as crianças que elas precisam ser comunicadas dessa verdade. E o Senhor conta com pessoas amorosas e corajosas, dispostas a gastar suas vidas para ensinar, educar e conscientizar outros sobre a importância dessa tarefa. Ótimo livro, com aplicações bem praticas para o dia a dia do ministério. 

#5 OS ATAQUES DO INIMIGO ÀS CRIANÇAS- GILBERTO CELETI

O objetivo deste livro é tanto alertar quanto aos perigos que rondam os pequenos como também auxiliar para um ministério que conduza a nova geração o conhecimento da salvação em Cristo. Muito importante essa leitura. 

#7 COMO ENSINAR CRIANÇAS DO MATERNAL - RUTH BEECHICK

"Uma combinação de informação prática e discernimento marca essa utilíssima obra. Falsas concepções são combatidas, características infantis discutidas e metodologias inteiramente descritas. O apêndice é perfeito, com sugestões de estudos complementares, questões, idéias de projetos e experiências de ensino são relacionadas a cada capítulo" Kenneth Gangel, Presidente Universidade Cristã de Miami. Recomendadíssimo!

#8 AS CINCO LINGUAGENS DO AMOR DAS CRIANÇAS- GARY CHAPMAN E ROSS CAMPBELL

                                         

Cada criança possui uma linguagem de amor principal e especifica, uma maneira através da qual ela compreende melhor o amor do pai e da mãe. Esse livro não é recomendado apenas para pais e mães, mas aqueles que trabalham com crianças devem saber que elas se sentem amadas de diversas formas. Recomendadíssimo!!!

#9 BASES BÍBLICAS PARA A EVANGELIZAÇÃO DE CRIANÇAS- SAM DOHERTY

Esse livro contém o fundamento sólido para as bases de evangelização de crianças. Ativa e inspira tantas pessoas para essa maravilhosa missão, de levar o evangelho as crianças. Livro muito bom, leitura essencial. 

#10 ERA UMA VEZ- OS VALORES CRISTÃOS NOS CONTOS DE FADAS- ADRIANA TORQUATO RESENDE


Exemplos de amor, fé, esperança, perseverança, humildade e fidelidade encontrados nas páginas dos contos de fadas, podem ser relacionados com os valores cristãos. Nas páginas desse livro você poderá conhecer um pouco mais sobre esse mundo fantástico do faz de conta, e como encontrar pedras preciosas neles. 


*Em breve farei postagens especificas falando sobre cada alguns desses livros, com um breve resumo e opiniões pessoais.